Como melhorar a forma física com estes 5 passos

Assine a nossa newsletter!

Para melhorar seu condicionamento físico você não precisa passar fome, é questão de encontrar o equilíbrio certo, o que será fácil para você com este post

Você é um daqueles que fica cansado ou com falta de ar ao subir uma colina ou subir alguns andares de escada? Portanto, deixe-nos dizer que melhorar a forma física deve ser seu próximo objetivo.

Como você pode fazer isso? Neste artigo vamos dar-lhe cinco orientações para melhorar a sua forma física e assim evitar perder o fôlego a cada esforço. Continue lendo!

Qual é a forma física e do que ela é composta?

Antes de melhorar a forma física, devemos aprender o básico.

A aptidão física é a capacidade que temos de realizar esforços de forma enérgica e eficaz, retardando o cansaço ou a fadiga e prevenindo lesões. Estar em boa forma não significa perder peso ou se tornar um superatleta, mas sim executar com sucesso qualquer atividade física da qual você participe, algo simples se você tiver boa saúde.

Podemos classificar a forma física em dois tipos diferentes:

  • Geral: Faz parte de um nível mínimo de um organismo saudável e é aquele que proporciona a uma pessoa um grau de eficiência necessário para suas tarefas diárias. Ou seja, é a condição física básica para qualquer preparação físico-esportiva e um dos pilares da boa saúde.
  • Especial: É o próximo nível e é característico de uma disciplina esportiva.

No entanto, são as qualidades básicas da aptidão física que nos permitem realizar qualquer tipo de atividade. Estes dependem de processos metabólicos e ingestão de energia:

  • Flexibilidade: É a capacidade de realizar movimentos com grande amplitude, desenvoltura e desenvoltura. Por exemplo, ginástica rítmica, ioga e alongamento. Melhora a nossa higiene postural, e permite-nos ter mais mobilidade e consciência do nosso corpo.
  • Força: Compete diretamente com a resistência, pois é a capacidade de superá-la. Por exemplo, levantar um peso pesado.
  • Resistência: A capacidade do corpo de suportar uma atividade por um tempo. Por exemplo, correr uma maratona ou fazer um longo passeio de bicicleta.
  • Velocidade: Consiste na capacidade de percorrer uma distância ou realizar um movimento no menor tempo possível. Por exemplo, correr uma corrida de 50 metros, fazer um sprint ou jogar tênis de mesa.

Por outro lado, também não devemos esquecer as chamadas qualidades físicas compostas. Estes são o resultado da combinação de alguns dos itens acima e são determinados pelo processo de gerenciamento do SNC (Sistema Nervoso Central):

  • Agilidade: define a qualidade que permite variar a posição no espaço de forma harmoniosa e rápida. Flexibilidade, força, velocidade e coordenação estão envolvidos. Por exemplo, é necessário em um goleiro de futebol ou em uma pessoa que pratica artes marciais.
  • Coordenação: Combina o trabalho de diferentes músculos para realizar uma ação específica. É diferente dependendo se o corpo inteiro está envolvido na ação ou apenas uma parte. Por exemplo, no basquete, a visão e as mãos estão envolvidas, e no futebol, a visão e o pé.
  • Equilíbrio: Consiste em manter a posição do corpo e suas diferentes partes no espaço. O equilíbrio pode ser estático ou dinâmico.
  • Potência: Capacidade de mobilizar um peso no menor tempo possível ou superar a resistência. Combine velocidade e força. Por exemplo, um salto ou um arremesso.

Chaves para melhorar a forma física

Para melhorar a forma física não deve apenas ter uma alimentação saudável, mas também uma boa condição física e seguir uma rotina de exercícios. A seguir, propomos-lhe 5 passos que deve ter em conta.

1. Crie um cronograma de treinamento

O objetivo não é apenas encontrar o momento perfeito na agenda, mas também que esse momento chegue e comece a trabalhar. O momento é agora, e não existe momento perfeito, temos que criá-lo nós mesmos, portanto, planeje o tempo e decida que tipo de atividades você quer fazer. Por exemplo, quer ir ao ginásio para aulas de grupo? Fazer elíptico em casa? Sair correndo? Seja qual for a opção escolhida, estabeleça um cronograma para o próximo trimestre e defina o que deseja alcançar, quando e como o fará.

Assim, será muito mais fácil cumprir seus objetivos, criar uma rotina de exercícios e melhorar a forma física.

2. Use roupas adequadas

“Usar calçados inadequados durante o treino pode diminuir nosso desempenho em até 40%.”

Pode parecer algo sem importância, mas se você não pratica esportes há muito tempo, é possível que os sapatos ou o restante das roupas que temos não estejam nas melhores condições. Isso pode fazer com que, ao invés de melhorar a forma física, soframos lesões. Além disso, hoje em dia você pode comprar roupas muito mais confortáveis e ergonômicas do que há alguns anos.

Se é a primeira vez que vai criar uma rotina desportiva, a nossa recomendação é que compre material específico para o que vai fazer e, acima de tudo, que escolha um bom calçado. Usar calçados inadequados durante o treino pode diminuir nosso desempenho em até 40%.

3. Cuide da alimentação

Este ponto talvez seja um dos mais complicados para melhorar a forma física, mas pode ser o mais importante. Se não forem estabelecidos hábitos e alimentação saudáveis, o exercício físico não terá tanto efeito. Não é preciso ser muito rígido, o que temos a fazer é aprender a comer bem. Para isso, recomendamos evitar carboidratos processados, açúcares refinados, excesso de sódio e gorduras saturadas. Em suma, evite as tentações e os alimentos proibidos que nos impedem de levar um estilo de vida saudável.

Por outro lado, tente comer cinco refeições por dia. Coma de tudo, mas não abuse de nada. Um bom truque é comer bastante e bem pela manhã e diminuir gradativamente a quantidade que se ingere ao longo do dia. À medida que a hora de dormir se aproxima, menos energia gastamos, então a compulsão é contraproducente, pois não queimaremos essa energia e ela se transformará em gordura. Evitar jantares fartos ajudará a prevenir problemas gastrointestinais e lembre-se de que as calorias ingeridas nesta refeição não serão queimadas. Por outro lado, na altura dos lanches a meio da manhã ou a meio da tarde, aposte nos legumes, frutas ou frutos secos.

Depois de um curto período de alimentação mais saudável, você perceberá que se sente melhor.

Para melhorar a forma física

4. Adapte o treino

O treinamento de força é necessário para melhorar a forma física e a resistência. Além disso, isso também melhora a postura corporal e ajuda a prevenir lesões.

  • Mude a rotina de treino:

Nas primeiras sessões de treinamento, a condição não melhora drasticamente. Mas com perseverança, pouco a pouco, melhores resultados serão alcançados. Aumente gradualmente a intensidade do treino e da rotina para que o corpo se adapte, mas incorpore diferentes exercícios para que não se acostume.

  • Experimente novos métodos como eletrofitness:

Os benefícios da EMS ou da eletroestimulação não se limitam apenas à recuperação muscular ou à aceleração do metabolismo. Também pode ser usado para melhorar a memória e, quando necessário, prevenir a perda de massa muscular.

Electrofitness é uma técnica que qualquer pessoa pode usar, é indolor, não invasiva e respeitosa com o corpo. Pode ser a melhor solução começar a se exercitar quando esse não é um dos seus hobbies, mas você percebeu que é necessário estar em boa forma. Os impulsos elétricos produzidos no eletrofitness causam contrações musculares involuntárias. Além disso, se for praticado com um monitor especializado, longe de causar danos, você obterá muitos benefícios com o EMS. Isso pode ser feito sob medida, combinado com treinamento de força ou cardio para perder peso e eliminar gordura, para que os resultados esperados sejam obtidos em menos tempo e com menos esforço.

5. Motivação e resultados

Uma das partes mais importantes de começar um novo estilo de vida com rotinas de exercícios e uma dieta saudável é não desistir no primeiro obstáculo. A principal motivação deve ser atingir o objetivo, mas como não é automático, isso pode reduzir nossa motivação.

No entanto, a perseverança gradualmente fará você se sentir bem e essa mudança será evidente. Para ajudá-lo a criar esse hábito, você pode se recompensar com recompensas imediatas que cria para si mesmo. Embora devamos recomendar que você tenha cuidado, porque, dependendo dos que você escolher, eles podem passar de grandes aliados a se tornar seus piores inimigos.

O truque é alinhar suas recompensas com seus objetivos; Dessa forma, eles o ajudarão a se sentir motivado para alcançá-los. As recompensas positivas são aquelas que ajudam você a ser mais disciplinado e lembram como você se sente bem quando termina um treino.

melhorar a forma física o você não precisa passar fome

Resultados de potência de eletrofitness

Electrofitness é uma disciplina que combina EMS com esportes de alta intensidade, então você não pode usá-lo apenas para perder peso. É um complemento ideal para o trabalho diário, pois promove a tonificação das estruturas danificadas para recuperar sua funcionalidade. Além disso, treinamentos curtos e eficazes favorecem mudanças reais que são percebidas com rapidez e clareza, por isso se diz que potencializam os resultados. Mas que resultados?

  • Provoca mais tonificação em menos tempo.
  • Queima calorias, por isso promove a perda de peso.
  • Ajuda a eliminar a celulite.
  • Combate a flacidez.
  • Melhora a circulação sanguínea e a permeabilização dos tecidos musculares; como consequência, também a oxigenação e a nutrição dos tecidos.
  • Pode ser utilizado por pessoas que não conseguem seguir treinos de alta intensidade.
  • Mais músculos são trabalhados do que com o movimento dos exercícios habituais.
  • Gera endorfinas, o que é positivo para combater o estresse.

Como você pode ver, a eletroestimulação permite melhorar a forma física de uma forma muito mais simples e com eficácia comprovada. Se quer ficar a par de todos os benefícios e possibilidades de integrar esta técnica na sua rotina habitual de exercícios, subscreva o nosso blog.

Comparte este post:

[geot_country_name]